Anime & Mangá

O episódio mais sombrio de Pokémon literalmente matou Ash e Pikachu

Publicado por

O anime Pokémon adota uma abordagem segura para proteger seus personagens, embora haja uma notável exceção no início da série. No episódio intitulado “Torre do Terror”, Ash e Pikachu se aventuram além dos limites com uma experiência fora do corpo.

Na busca por um Pokémon Fantasma para vencer Sabrina, uma formidável líder psíquica de Saffron City, Ash parte rumo à Torre Pokémon em Lavender Town.

Ao chegarem à noite, Misty e Brock, inicialmente temerosos, cedem à persuasão e entram no edifício. Logo, Ash e Pikachu caem vítimas de brincadeiras invisíveis, com móveis levitando e sustos frequentes. Haunter e Gengar surgem visíveis, submergindo no chão.

Na tentativa de persegui-los, Ash e Pikachu acidentalmente derrubam um lustre sobre si, parecendo terem perecido.

Haunter extrai o espírito de Ash do corpo

Os Pokémon Fantasmas intervêm ao testemunharem o incidente, desprendendo os espíritos de seus corpos. Ash e Pikachu assumem formas etéreas, unindo-se aos fantasmas em travessuras com os amigos.

Estes espíritos os instigam a permanecer, porém Ash rejeita, decidido a continuar sua jornada. Quando Misty e Brock encontram os corpos, a agonia se dissipa com o retorno repentino dos espíritos de Pikachu e Ash, trazendo-os à vida, sem qualquer sequela aparente.

Embora os Pokémon Fantasmas ostentem designs sombrios, como Litwick que quase aniquilou a Equipe Rocket, a morte quase ocorre aqui. Os espíritos de Ash e Pikachu realmente se desprendem, quase alinhando-os à morte.

Na exibição original, Misty até menciona a palavra “morrer”, embora tenha sido suprimida posteriormente.

A habilidade dos Pokémon Fantasmas em extrair almas humanas de corpos inconscientes é inquietante, concordando com descrições amedrontadoras na Pokédex, notavelmente Gengar. Mesmo após “morrer” aos 10 anos, Ash exibe serenidade, confiante em um possível retorno à vida.

De fato, Haunter acompanha temporariamente Ash, desempenhando um papel crucial na redenção de Sabrina. Esse episódio, notavelmente sinistro no início da série, estranhamente passa despercebido.

Para além dos filmes, é o episódio de Pokémon mais próximo da mortalidade para Ash e Pikachu, tratado como uma história rotineira da série.

Siga-nos no Google News para receber as últimas notícias de anime.

Matheus Gimenez

Escritor do animerant.com.br e um entusiasta do universo dos animes que não curte muito mangás, mas quando pega para ler, termina em pouquíssimo tempo.

Posts recentes

10 coisas em Dragon Ball Super que os fãs odiaram

Dragon Ball Super trouxe uma nova vibe ao universo Dragon Ball, criado por Akira Toriyama.…

25/02/2024

One Piece: Eiichiro Oda revela o verdadeiro motivo para Zoro ter três espadas

Eiichiro Oda, o criador de One Piece, compartilhou o porquê de Zoro ter três espadas,…

25/02/2024

Dragon Ball Super: Nova transformação de Gohan confirma a teoria antiga do Goku

No mangá de Dragon Ball Super tá rolando um embate épico que muita gente tava…

25/02/2024

7 coisas que o criador de Dragon Ball esqueceu

Dragon Ball é um fenômeno mundial, cativando fãs com suas histórias empolgantes, personagens memoráveis e…

25/02/2024

One Piece: Oda conta de onde veio a ideia do Gear 2 do Luffy

O Luffy, aquele pirata top de One Piece, não começou sua jornada sendo o cara…

25/02/2024

One Piece 1109: O que esperar do capítulo?

Os fãs de One Piece estão na maior expectativa pelo capítulo 1109. A trama na…

25/02/2024

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site.

Leia mais