Anime & Mangá

Dragon Ball: Todas as transformações de Buu, explicadas

Majin Buu, esse nome ressoa com uma vibração única entre os fãs de anime e mangá por um bom motivo. O cara é um ícone, uma lenda do mal que se destacou no universo de Dragon Ball Z, no arco que leva, veja só, seu próprio nome.

Imagina só, Buu chegou chegando, botando o pé na porta e se lançando contra nossos heróis com uma força de outro mundo, capaz de apagar nosso planeta do mapa num piscar de olhos. Mas, como a esperança nunca morre, Goku e a turma conseguiram colocar um ponto final nas suas travessuras antes que ele virasse nosso mundo de cabeça para baixo.

Curtindo uma montanha-russa de poder, Majin Buu mostrou ao longo do tempo que ele não era de brincadeira, adotando várias formas que só faziam ele ficar ainda mais perigoso. Foi uma verdadeira aula de como se adaptar, já que cada nova versão era uma resposta aos upgrades quase que ilimitados dos Saiyajins.

Vamos ser sinceros: algumas dessas transformações tinham um punch tão forte que até o Goku Super Saiyan 3 teve que suar a camisa, enquanto outras poderiam ser derrubadas por adversários bem menos poderosos. Mas qual dessas formas leva a medalha de ouro em força e poder?

Good Buu, o favorito da galera

Ah, o Good Buu! Essa foi a versão que conquistou nossos corações, a cara que Buu mostrou quando pisou pela primeira vez na franquia. E não é que o danado decidiu jogar no nosso time? Apesar da aparência de bonachão e de ter um jeito meio infantil, Good Buu não demorou para mostrar que por trás daquela fachada se escondia uma força bruta e um poder de deixar qualquer um de queixo caído.

Essa faceta do Buu surgiu milhões de anos atrás, quando ele engoliu o Grande Supremo Kai, o que acabou injetando uma dose de bondade no coração da fera. O resultado? Um Buu “do bem” que acabou virando amigo de Mr. Satan durante a Saga Buu, mostrando ser um parceiro e tanto para os Guerreiros Z. Quem diria, hein?

Evil Buu, a encarnação da maldade

Mas nem tudo são flores. Depois daquela reviravolta com o Grande Supremo Kai, Buu ainda tinha um lado sombrio, uma essência maléfica que não demorou a se revelar. Durante a Saga Buu, o lado angelical de Buu foi posto à prova quando sua parte maligna decidiu dar as caras, trazendo uma vibe bem mais sinistra e perigosa. Imagine só, uma versão esguia, alta, com a pele num tom acinzentado, pronta para semear o caos. E não deu outra: Evil Buu não só mostrou sua superioridade como ainda transformou o Good Buu em chocolate. Talk about a sweet victory, huh?

Super Buu, o terror da terra

Falando em terror, Super Buu não fica atrás. Essa forma monstruosa veio ao mundo depois de absorver Good Buu, e, meu amigo, ele veio para jogar sério. Seu físico ficou mais robusto, e sua força? Bom, essa foi às alturas, permitindo que ele praticamente varresse a população da Terra com um ataque de Ki de arrepiar. Sem contar que Super Buu não tinha medo de encarar ninguém, batendo de frente até com Gotenks, a fusão de Goten e Trunks, mostrando que limites, para ele, eram apenas uma palavra no dicionário. Absorvendo um a um, ele foi ficando cada vez mais forte, um verdadeiro pesadelo ambulante.

Piccolo Buu: A fusão da força e inteligência

Essa jogada de absorver Piccolo foi um daqueles movimentos que te fazem repensar toda a estratégia. Claro, Ultimate Gohan chegou chegando, pronto para botar ordem na casa, mas mesmo a sua força bruta teve seus momentos de teste contra a astúcia de Piccolo Buu. O ponto alto dessa nova faceta foi quando Buu absorveu Ultimate Gohan. A dupla Goku e Gohan até tinha fé na vitória, mas parece que eles deixaram passar a nova habilidade de Buu de pensar um passo à frente, graças à mente tática de Piccolo.

Gotenks Buu: O poder da fusão

E não para por aí. Quando a coisa ficou feia para Buu contra Ultimate Gohan, ele tirou outro coelho da cartola: absorveu Gotenks e Piccolo, ganhando não só uma força descomunal graças à fusão, mas também mantendo a inteligência tática de Piccolo. Essa fase de Super Buu com poder de fusão foi um show à parte, com Gohan tendo que suar a camisa para manter o ritmo. Mas, como toda boa fusão, ela tinha um tempo limitado, e, quando esse tempo acabou, Buu voltou a ser Piccolo Buu, só que dessa vez ele conseguiu surpreender Gohan e absorvê-lo, elevando seu nível de ameaça ao máximo.

Ultimate Buu

Entrando na reta final, muita gente acha que Kid Buu é a forma mais brutal do vilão, mas o título de campeão vai mesmo para Ultimate Buu. Esse cara é o resultado da absorção de Ultimate Gohan, transformando Buu em uma força da natureza incontrolável, mais poderosa do que qualquer coisa que já apareceu em Dragon Ball até aquele momento. Ultimate Gohan era o top dos tops, deixando até Goku Super Saiyan 3 comendo poeira, então imagina o nível de poder que estamos falando aqui. Goku e Vegeta tiveram que apelar para a fusão e se transformar em Vegito, o guerreiro supremo, só para dar conta do recado. E mesmo assim, a luta foi uma loucura, mostrando o quão poderoso Ultimate Buu realmente era.

Kid Buu: O original

Por fim, a saga nos leva de volta ao básico, mostrando Majin Buu em sua forma original: Kid Buu. Esse pequeno notável pode até não ter a mesma força bruta de Ultimate Buu, mas o que falta em poder, sobra em loucura e imprevisibilidade. Kid Buu é a definição de caos, um ser que vive e respira destruição, sem um pingo de razão ou diálogo. Goku teve que encarar esse demônio cara a cara, numa batalha épica que culminou com uma Super Spirit Bomb capaz de pôr um fim à existência de Kid Buu.

Leia também: ‘Dragon Ball’: Arte mostra como seria se Majin Boo conseguisse absorver Bills

Siga-nos no Google News para receber as últimas notícias de anime.

Daniel Oliveira

Criador do animerant.com.br. Desenvolvedor e webmaster que trabalha como escritor e principal editor de notícias para o site.

Compartilhar
Publicado por