Anime

Demon Slayer vs. Jujutsu Kaisen: Qual anime representa melhor o futuro do Shonen?

Demon Slayer e Jujutsu Kaisen são dois nomes gigantes quando o assunto é anime shonen. Com o lançamento recente do filme de Demon Slayer e a nova temporada chegando, junto com Jujutsu Kaisen levando o título de Anime do Ano em 2023, a competição está acirrada. Mas, entre esses dois, quem leva a coroa de melhor representante do shonen moderno?

Falando de qualidade, tanto Demon Slayer quanto Jujutsu Kaisen mandam muito bem. Animações de cair o queixo e vozes que trazem os personagens à vida. Quando o assunto é trama, os dois seguem a linha shonen clássica: jovens heróis enfrentando o mal, ganhando forças e protegendo o mundo. Yuji Itadori e Tanjiro Kamado, nossos heróis, são exemplos perfeitos de bondade e força.

Jujutsu Kaisen se adapta melhor aos padrões Shonen modernos

Jujutsu Kaisen, sob a batuta da MAPPA e baseado no mangá de Gege Akutami, tá mostrando que veio pra ficar e mudar o jogo. Se a gente for pensar em qual dos dois puxa mais pro lado inovador do shonen, Jujutsu Kaisen leva essa. A trama é intensa e cheia de reviravoltas.

O lance de Yuji comendo os dedos de Sukuna e permitindo que esse Rei das Maldições more no seu corpo foi algo que sacudiu a galera de anime. Não tinha nada parecido rolando na época. Por isso, se a gente for medir qual anime está apontando o caminho para o futuro do shonen, Jujutsu Kaisen tá na frente, por enquanto.

Jujutsu Kaisen traz uma pegada nova na hora de contar sua história, o que acaba sendo um trunfo pra se destacar na multidão do shonen. O jeito como eles apresentam os enredos, cheio de novidades e complexidades, deixa claro que eles tão jogando pra ganhar no quesito inovação.

Por outro lado, Demon Slayer, com sua galeria de demônios e a luta incansável do Tanjiro pra proteger sua irmã, mexe com a gente de um jeito mais clássico e emocional. O anime, feito pela ufotable e baseado no mangá de Koyoharu Gotouge, é mestre em tocar nosso coração com suas histórias inspiradoras. Mas, se a gente parar pra analisar quem tá puxando o shonen pra frente, Jujutsu Kaisen leva a melhor com sua maneira mais ousada de contar histórias.

E quando falamos de personagens, Jujutsu Kaisen também não deixa a desejar. Os personagens são cheios de camadas, vivendo em zonas morais cinzentas, o que adiciona uma riqueza única à trama. Gojo Satoru, por exemplo, é um daqueles heróis que a gente não vê toda hora, com uma complexidade e poder fora do comum.

Demon Slayer é excelente em emoção, enquanto Jujutsu Kaisen é excelente em ação

Demon Slayer é um colírio para os olhos quando o assunto é emoção. Já Jujutsu Kaisen é uma explosão de ação e adrenalina. A forma linear com que Demon Slayer desenvolve sua história permite explorar mais profundamente os dramas emocionais e o crescimento dos personagens. Jujutsu Kaisen, com seu ritmo acelerado e lutas eletrizantes, brilha na ação e no suspense.

Ao tentar equilibrar os elementos clássicos do shonen com uma abordagem mais fresca e menos convencional, Jujutsu Kaisen se mostra uma força a ser reconhecida na evolução do gênero. Enquanto Demon Slayer honra as tradições do shonen com uma execução impecável, Jujutsu Kaisen aponta para onde o gênero pode estar se encaminhando. Não que uma seja necessariamente “melhor” que a outra; ambas são incríveis e têm seus méritos. Mas, se a gente for falar sobre qual tá mais alinhada com o futuro do shonen, Jujutsu Kaisen parece estar um passo à frente.

Daniel Oliveira

Criador do animerant.com.br. Desenvolvedor e webmaster que trabalha como escritor e principal editor de notícias para o site.

Compartilhar
Publicado por

Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

Política de Privacidade